Galeria

30/06/2013

COM UM SAMBA DE PRIMEIRA, ALINE CALIXTO ENCERRA AGENDA ESPECIAL DO DOMINGO NO MUSEU

Próximos Eventos

1
7
2
4
6
5
3
?1468001446

Domingo no Museu

Leva para o palco do Museu de Arte da Pampulha grandes nomes da música mineira e brasileira, como Paulo César Pinheiro, Sérgio Santos, Vânia Bastos, Teresa Cristina, Fabiana Cozza, Juarez Moreira, entre outros, mesclando MPB, samba e a musica instrumental. O Projeto acontece sempre no primeiro domingo do mês, às 11h00, no auditório do MAP com ingressos a preços populares.

COM UM SAMBA DE PRIMEIRA, ALINE CALIXTO ENCERRA AGENDA ESPECIAL DO DOMINGO NO MUSEU 30/06/2013

94

 

COM UM SAMBA DE PRIMEIRA, ALINE CALIXTO ENCERRA AGENDA ESPECIAL DO DOMINGO NO MUSEU 
O projeto apresentará a brasilidade da cantora e da sua homenageada, Clara Nunes, uma das maiores intérpretes do país
O Domingo no Museu, realizado pela Veredas Produções, finaliza a sua programação especial  com a voz e presença marcantes da cantora Aline Calixto. A agenda do projeto no mês de junho aproveitou o calendário da Copa das Confederações e a reabertura do Museu de Artes da Pampulha (MAP), para trazer uma escalação de revelações da música brasileira.
Após as apresentações do Trio Amaranto e Cobra Coral, Aline Calixto encerra a sequência de shows no dia 30 de junho, às 11 horas. Ainda em clima de patriotismo e alegria, a cantora traz o espetáculo que homenageia uma das vozes mais importantes do país, Clara Nunes. O show, lançado em 2012, no ano em que a intérprete faria 70 anos, reúne no repertório canções marcantes como “Morena de Angola”, “Conto de Areia” e “Feira de Mangaio”.
Acompanhada pelos músicos Thiago Delegado (violão 7 cordas) e Robson Batata (percussão), Aline Calixto define o show como uma homenagem de mineira para mineira, que vai além da diferença entre gerações. 
A cantora, que declara influências de Clara Nunes em sua carreira, lançou seu primeiro disco em 2009, Flor Morena. Além do samba, a artista também percorre outros gêneros musicais e conta com a participação de consagrados músicos em sua trajetória, como Zeca Pagodinho, Arlindo Cruz, Sérgio Loroza e Dom Júnior. Aline Calixto já foi agraciada por premiações importantes, como o Prêmio Disco do Ano da Associação Paulista dos Críticos de Arte (APCA), e indicada para duas categorias do Prêmio de Música Brasileira, melhor cantora de samba e voto popular, em 2010 e 2012.
O último lançamento da artista foi em março de 2013. A cantora regravou a canção “Conto de Areia”, de Romildo S. Bastos e Toninho Nacimento. Essa composição também faz parte da homenagem à Clara Nunes e conta com a participação do rapper Emicida e produção musical e arranjos de Thiago Delegado. Ainda este ano, a cantora pretende lançar seu primeiro CD e DVD ao vivo, que será gravado em Belo Horizonte.
A série Domingo no Museu
Tradicional no cenário cultural de Belo Horizonte e do estado, o Projeto Domingo Museu apresenta ao público ícones da música em um dos cartões postais da capital, o Museu de Arte da Pampulha (MAP). Patrocinado pelas empresas Hermes Pardini e Tecnocal, através das leis Municipal e Estadual de Incentivo à Cultura, o projeto já recebeu artistas como Maíra Freitas, Paulo Bellinatti, Weber Lopes, Thiago Delegado, Paulo Freire e André Mehmari. A realização do Domingo no Museu no MAP consolidou o espaço como palco para atividades de lazer e cultura, proporcionando aos belo-horizontinos, um ambiente agradável com atrações de qualidade.
SERVIÇO:
Domingo no Museu – Aline Calixto Canta Clara Nunes
Local: Museu de Arte da Pampulha (Av. Otacílo Negrão de Lima, 16585)
Data: Dia 30 de junho, às 11 horas
Ingressos à R$10 (inteira) / R$5 (meia-entrada mediante apresentação de carteira de estudante e comprovante de matrícula ou boleto de pagamento)
Locais de venda: Loja Acústica CD’s (Rua Fernandes Tourinho, 300) – A partir do dia 03/06 (Para os três espetáculos) – e Museu de Arte da Pampulha no dia do evento
Informações: (31) 3277-7996

 

COM UM SAMBA DE PRIMEIRA, ALINE CALIXTO ENCERRA AGENDA ESPECIAL DO DOMINGO NO MUSEU 

O projeto apresentará a brasilidade da cantora e da sua homenageada, Clara Nunes, uma das maiores intérpretes do país

O Domingo no Museu, realizado pela Veredas Produções, finaliza a sua programação especial  com a voz e presença marcantes da cantora Aline Calixto. A agenda do projeto no mês de junho aproveitou o calendário da Copa das Confederações e a reabertura do Museu de Artes da Pampulha (MAP), para trazer uma escalação de revelações da música brasileira.

Após as apresentações do Trio Amaranto e Cobra Coral, Aline Calixto encerra a sequência de shows no dia 30 de junho, às 11 horas. Ainda em clima de patriotismo e alegria, a cantora traz o espetáculo que homenageia uma das vozes mais importantes do país, Clara Nunes. O show, lançado em 2012, no ano em que a intérprete faria 70 anos, reúne no repertório canções marcantes como “Morena de Angola”, “Conto de Areia” e “Feira de Mangaio”.

Acompanhada pelos músicos Thiago Delegado (violão 7 cordas) e Robson Batata (percussão), Aline Calixto define o show como uma homenagem de mineira para mineira, que vai além da diferença entre gerações. A cantora, que declara influências de Clara Nunes em sua carreira, lançou seu primeiro disco em 2009, Flor Morena. Além do samba, a artista também percorre outros gêneros musicais e conta com a participação de consagrados músicos em sua trajetória, como Zeca Pagodinho, Arlindo Cruz, Sérgio Loroza e Dom Júnior. Aline Calixto já foi agraciada por premiações importantes, como o Prêmio Disco do Ano da Associação Paulista dos Críticos de Arte (APCA), e indicada para duas categorias do Prêmio de Música Brasileira, melhor cantora de samba e voto popular, em 2010 e 2012.

O último lançamento da artista foi em março de 2013. A cantora regravou a canção “Conto de Areia”, de Romildo S. Bastos e Toninho Nacimento. Essa composição também faz parte da homenagem à Clara Nunes e conta com a participação do rapper Emicida e produção musical e arranjos de Thiago Delegado. Ainda este ano, a cantora pretende lançar seu primeiro CD e DVD ao vivo, que será gravado em Belo Horizonte.

A série Domingo no Museu
Tradicional no cenário cultural de Belo Horizonte e do estado, o Projeto Domingo Museu apresenta ao público ícones da música em um dos cartões postais da capital, o Museu de Arte da Pampulha (MAP). Patrocinado pelas empresas Hermes Pardini e Tecnocal, através das leis Municipal e Estadual de Incentivo à Cultura, o projeto já recebeu artistas como Maíra Freitas, Paulo Bellinatti, Weber Lopes, Thiago Delegado, Paulo Freire e André Mehmari. A realização do Domingo no Museu no MAP consolidou o espaço como palco para atividades de lazer e cultura, proporcionando aos belo-horizontinos, um ambiente agradável com atrações de qualidade.


SERVIÇO:

Domingo no Museu – Aline Calixto Canta Clara Nunes
Local: Museu de Arte da Pampulha (Av. Otacílo Negrão de Lima, 16585)
Data: Dia 30 de junho, às 11 horasIngressos à R$10 (inteira) / R$5 (meia-entrada mediante apresentação de carteira de estudante e comprovante de matrícula ou boleto de pagamento)
Locais de venda: Loja Acústica CD’s (Rua Fernandes Tourinho, 300) – A partir do dia 03/06 (Para os três espetáculos) – e Museu de Arte da Pampulha no dia do evento
Informações: (31) 3277-7996