Galeria

07/10/2012

ENCONTRO MARCADO COM ÍCONES DO CHORO NO DOMINGO NO MUSEU

Próximos Eventos

1
7
2
4
6
5
3
?1468001446

Domingo no Museu

Leva para o palco do Museu de Arte da Pampulha grandes nomes da música mineira e brasileira, como Paulo César Pinheiro, Sérgio Santos, Vânia Bastos, Teresa Cristina, Fabiana Cozza, Juarez Moreira, entre outros, mesclando MPB, samba e a musica instrumental. O Projeto acontece sempre no primeiro domingo do mês, às 11h00, no auditório do MAP com ingressos a preços populares.

ENCONTRO MARCADO COM ÍCONES DO CHORO NO DOMINGO NO MUSEU 07/10/2012

80

Com quinze anos de afinada parceria, Henrique Cazes (cavaquinho e violão-tenor) e Marcello Gonçalves (violão 7 cordas) se apresentam no projeto Domingo no Museu, realizado pela Veredas Produções, com um repertório que exalta os grandes chorões Pixinguinha e Garoto e que traz clássicos de Anacleto de Medeiros e Cartola. Esta animada roda de choro será realizada no dia 7 de outubro, às 11 horas, em um dos mais belos cartões postais da cidade, o Museu de Arte da Pampulha (MAP).

 

A discografia da dupla retrata desde o primeiro CD, “Pixinguinha de Bolso”, lançado em 2000, a admiração dos músicos pelo compositor. O álbum circulou no Brasil, França e Japão, recebendo críticas positivas sobre o trabalho produzido. Em 2007, foi a vez de “Vamos acabar com o baile”, uma homenagem que conta, em música, a trajetória de Garoto. Dentre os projetos desenvolvidos por Henrique Cazes e Marcello Gonçalves estão os quatro CDs da série “Beatles ‘n’ choro”, além de “Uma história do choro” e “Tudo é choro”.

 

Conheça o duo Henrique Cazes e Marcello Gonçalves:

Henrique Cazes – cavaquinho e violão tenor

Autodidata, o multi-instrumentista começou a sua carreira tocando no grupo Coisas Nossas e na Camerata Carioca, no qual trabalhou com o bandolinista Joel Nascimento e com o maestro Radamés Gnatalli. Em seu currículo, participações em importantes festivais como o XI Carrefour Mondial de la Guitare, na Martinica (1994), e Kuhmo Chamber Music Festival, na Finlândia (1998). Dentre as suas atuações, o músico dirige a Orquestra Pixinguinha e o Novo Quinteto, com os quais remonta arranjos originais de Pixinguinha e Radamés. O músico também é reconhecido por seus trabalhos como arranjador e produtor de discos, além do livro “Choro do quintal ao Municipal”, que sintetiza um século e meio deste gênero musical.

 

Marcello Gonçalves – violão 7 cordas

Integrante dos grupos Trio Madeira Brasil e Rabo de Lagartixa, o violonista é diretor musical de trabalhos relevantes da música brasileira, como o documentário sobre “Choro Brasileirinho”, o CD e DVD “Uma Noite Noel Rosa” e “Quando o Canto é Reza”, de Roberta Sá e Trio Madeira Brasil, vencedor do Prêmio da Música, na categoria melhor disco de MPB. Marcello Gonçalves já trabalhou, também, na produção musical de “YV”, de Yamandú Costa e Valter Silva, e participou de festivais internacionais de guitarra.

 

A série Domingo no Museu

Tradicional no cenário cultural de Belo Horizonte e do estado, o Projeto Domingo Museu apresenta ao público ícones da música em um dos cartões postais da capital, o Museu de Arte da Pampulha (MAP). Patrocinado pelas empresas Hermes Pardini, Tecnocal e Usiminas, através das Leis Municipal e Estadual de Incentivo à Cultura, o projeto já recebeu artistas como Alda Rezende, Paulo Bellinatti, Weber Lopes, Thiago Delegado, Paulo Freire e André Mehmari. A realização do Domingo no Museu no MAP foi responsável por consolidar o local como um espaço de lazer e cultura para todos os belo-horizontinos.

 

SERVIÇO:

Domingo no Museu – Duo Henrique Cazes e Marcello Gonçalves 


Local: Museu de Arte da Pampulha (Av. Otacílo Negrão de Lima, 16585)


Data: Dia 7 de outubro, às 11 horas


Ingressos à R$10 (inteira) – Renda revertida para a conservação do MAP


Locais de venda: No Museu de Arte da Pampulha e na loja Acústica CD’s (Rua Fernandes Tourinho, 300) – A partir do dia 01/10/2012.


Informações: (31) 3277-7996