Galeria

13/04/2012

BH INSTRUMENTAL ABRE O ANO COM A BANDA MANTIQUEIRA

Próximos Eventos

1
7
2
4
6
5
3
?1468001446

BH Instrumental

Nos anos 1997/98 a VEREDAS realizou com muito sucesso de público e crítica a “Série Instrumental”, projeto que trouxe pela primeira vez a Belo Horizonte grandes nomes do jazz como John Anderson, Paquito D´Rivera, Gonzalo Rubalcaba, Mike Stern, Joe Zawinul, e também grandes nomes da Música Instrumental Brasileira como Paulo Moura, Zimbo Trio, Guinga, Gilson Peranzzetta, César Camargo Mariano e Romero Lubambo e abriu espaço para grandes músicos mineiros como Juarez Moreira, Toninho Horta, Wagner Tiso, Chiquito Braga e muitos outros mais.
Em 2008, a “Série Instrumental” retornou ao cenário musical da cidade trazendo uma série de 9 espetáculos, sendo 4 no Teatro do Sesiminas – (BANDA MANTIQUEIRA, LEO GANDELMAN, RENATO BORGHETTI e BARBATUQUES), 2 do Grande Teatro do Palácio das Artes (JOBIM JAZZ e WAGNER TISO) e um espetáculo ao ar livre na Praça Marechal Floriano (CHICO AMARAL, JUAREZ MOREIRA E NIVALDO ORNELAS).
A cada edição foi oferecido um workshop gratuito aos músicos e estudantes de música da Grande Belo Horizonte e um ensaio aberto para estudantes da rede pública.
A partir de 2011, a Série Instrumental traz a “ SÉRIE BH INSTRUMENTAL”, com espetáculos na Praça Floriano Peixoto.
O projeto busca assim divulgar a música instrumental trazendo ao palco grandes instrumentistas com o objetivo de formar público para música e popularizar o acesso a espetáculos de qualidade desenvolvendo assim a consciência crítica dos cidadãos. Apoio Institucional: Instituto UNIMED-BH, com os benefícios da Lei Federal de Incentivo à Cultura através de doações de pessoas físicas.

BH INSTRUMENTAL ABRE O ANO COM A BANDA MANTIQUEIRA 13/04/2012

69

Formada por músicos experientes e com intensa atuação no mercado nacional e internacional, a Banda Mantiqueira inaugurará a temporada 2012 da série BH Instrumental, integrando também a programação cultural do Circuito Unimed-BH. O público poderá conferir a qualidade musical do grupo paulista que já conquistou seu espaço no rol dos ícones da MPB, no dia 13 de abril, sexta-feira, às 20 horas, na Praça Floriano Peixoto (Avenida do Contorno). A entrada será gratuita.

 

O formato da Banda surgiu em 1983, quando o músico Nailor Azevedo, o “Proveta”, teve a ideia de unir amigos instrumentistas para compor um grupo de música. Com a colaboração do trompetista Walmir Gil e do contrabaixista Edson Alves, “Proveta” desenvolveu uma forma de divulgar as obras de grandes mestres da música brasileira como Pixinguinha, Cartola, Nelson Cavaquinho e Tom Jobim.

 

Um dos diferenciais da Mantiqueira é o fato de seus integrantes acompanharem importantes artistas nacionais e internacionais, paralelamente, aos projetos do grupo. Os músicos que compõem a Banda, “Proveta”, Ubaldo Versolato, Josué dos Santos, Vinícius Dorin, François de Lima, Valdir Ferreira, Nahor Gomes, Almir Gil, Odésio Jericó, Jarbas Barbosa, Edson Alves, Lelo Izar, Fred Prince e Cléber Almeida, figuram nas fichas técnicas dos discos mais importantes gravados no país e no exterior, além de shows de Caetano Veloso, Gilberto Gil, Milton Nascimento, Djavan, Burt Bacharat, Natalie Cole, Joe Williams, entre outros.

 

O grupo já coleciona em seu currículo participações em programas de televisão, no Kaiser Bock Winter Festival (São Paulo), Free Jazz Festival (Rio de Janeiro e São Paulo), Expo-98 (Lisboa), Musikfest Bremen (Alemanha), Brazil Festival in Amsterdam (Holanda) e turnê nos Estados Unidos. Nessas ocasiões, a Banda contou com a presença de artistas como Joshua Redman, Toquinho e Hermeto Pascoal. Além disso, podem-se destacar os CDs gravados pela Mantiqueira, “Aldeia” e “Terra Amantiquira”, nomeados para o Grammy, em 1998 e 2006, respectivamente.

 

O mais recente projeto da Banda Mantiqueira, aprovado pelo Ministério da Cultura, teve início em 2011. Os integrantes do grupo excursionaram pelo Brasil com uma série de concertos e workshops.

 

O grupo atualmente é formado por Nailor Azevedo (Proveta) – sax alto e clarinete; Ubaldo Versolato – sax barítono, flauta e píccolo;  Josué dos Santos – sax tenor e flauta; Vinicius Dorin – sax tenor, soprano e flauta; François de Lima – trombone de válvulas; Valdir Ferreira – trombone de vara; Nahor Gomes, Walmir Gil e Odésio Jericó – trompete e flugelhorn; Jarbas Barbosa – guitarra elétrica; Edson Alves – contrabaixo elétrico; Lelo Izar – bateria;  Fred Prince e Cléber Almeida – percussão.

 

INSTITUTO UNIMED-BH

 

O Instituto Unimed-BH é uma instituição sem fins lucrativos, criada em 2003, que tem como missão conduzir o programa de Responsabilidade Social da Unimed-BH, contribuindo para a melhoria consciente e continuada da qualidade de vida das comunidades onde ela atua. Como o referencial adotado é a promoção de vidas saudáveis, os projetos do Instituto têm na saúde sua área prioritária de intervenções, mas mantêm interface com outros campos, como a educação, cultura, lazer e capacitação profissional. Além de sua atuação social, o Instituto Unimed-BH busca fortalecer a cultura em Minas Gerais, apoiando projetos artísticos, através de seu programa de incentivo, amparado na Lei Rouanet. 

 

CIRCUITO UNIMED-BH


O Circuito, realizado pelo Instituto Unimed-BH, é um ciclo especial de atrações gratuitas que tem como objetivo envolver a comunidade, incentivando a promoção da saúde e a melhoria da qualidade de vida, por meio da realização de atividades físicas, de lazer e de cultura. A experiência bem sucedida beneficiou, desde novembro de 2010, na Praça Floriano Peixoto, mais de 3.000 pessoas que participaram de aulas de Tai Chi Chuan, caminhadas orientadas e atrações culturais.

 


Em 2012, o Circuito Unimed-BH retorna com a sua programação no espaço adotado pela Cooperativa, a Praça Floriano Peixoto, com atividades culturais mensais até o final do ano.

 

 

PROJETO SÉRIE BH INSTRUMENTAL APRESENTA BANDA MANTIQUEIRA


Praça Floriano Peixoto - Dia  13 de abril – sexta –feira,  às 20  horas


Informações- 3222 5271


Apoio Cultural: Instituto Unimed BH


Entrada Franca