Galeria

13/08/2011

Naquele Tempo

Próximos Eventos

1
7
2
4
6
5
3
?1468001446

BH Instrumental

Nos anos 1997/98 a VEREDAS realizou com muito sucesso de público e crítica a “Série Instrumental”, projeto que trouxe pela primeira vez a Belo Horizonte grandes nomes do jazz como John Anderson, Paquito D´Rivera, Gonzalo Rubalcaba, Mike Stern, Joe Zawinul, e também grandes nomes da Música Instrumental Brasileira como Paulo Moura, Zimbo Trio, Guinga, Gilson Peranzzetta, César Camargo Mariano e Romero Lubambo e abriu espaço para grandes músicos mineiros como Juarez Moreira, Toninho Horta, Wagner Tiso, Chiquito Braga e muitos outros mais.
Em 2008, a “Série Instrumental” retornou ao cenário musical da cidade trazendo uma série de 9 espetáculos, sendo 4 no Teatro do Sesiminas – (BANDA MANTIQUEIRA, LEO GANDELMAN, RENATO BORGHETTI e BARBATUQUES), 2 do Grande Teatro do Palácio das Artes (JOBIM JAZZ e WAGNER TISO) e um espetáculo ao ar livre na Praça Marechal Floriano (CHICO AMARAL, JUAREZ MOREIRA E NIVALDO ORNELAS).
A cada edição foi oferecido um workshop gratuito aos músicos e estudantes de música da Grande Belo Horizonte e um ensaio aberto para estudantes da rede pública.
A partir de 2011, a Série Instrumental traz a “ SÉRIE BH INSTRUMENTAL”, com espetáculos na Praça Floriano Peixoto.
O projeto busca assim divulgar a música instrumental trazendo ao palco grandes instrumentistas com o objetivo de formar público para música e popularizar o acesso a espetáculos de qualidade desenvolvendo assim a consciência crítica dos cidadãos. Apoio Institucional: Instituto UNIMED-BH, com os benefícios da Lei Federal de Incentivo à Cultura através de doações de pessoas físicas.

Naquele Tempo 13/08/2011

51

NAQUELE TEMPO NA SÉRIE BH INSTRUMENTAL
A Série BH Instrumental apresenta, juntamente com o MINC,  no sábado dia 13 de agosto, às 11 horas na Praça da Saúde, o grupo mineiro Naquele Tempo.
 O projeto, que traz ao público mineiro concertos públicos e gratuitos, com instrumentistas de primeira linha acontece mensalmente alternando o endereço entre as praças Floriano Peixoto e Praça da Saúde.
A Série BH Instrumental é uma realização da Veredas Produções em parceria com o Instituto Unimed-BH, através de doações de pessoas físicas e conta com o apoio da Lei Federal de Incentivo à Cultura, fazendo parte do Circuito UNIMED-BH.
Se a tradição é elemento fundamental para o movimento do choro, o Naquele Tempo já entra em campo com uma grande vantagem. É o mais tradicional conjunto do gênero da cidade. 
Criado na década de 70, em um período que, como hoje, o choro estava em alta, o hepteto montou suas bases na obra de mestres como Abel Ferreira, Jacob do Bandolim, Waldir Azevedo e Pixinguinha. É do autor de "Rosa" que vem o choro que deu nome ao grupo.
Escolhidos para acompanhar mestre Cartola em duas temporadas na cidade, em 1977 e 1978, eles participaram das duas edições do Festival Nacional de Choro, promovido pela Rede Bandeirantes, com duas composições de Flávio Fontenelle, "Conversando com Poti" e "Saudade dos Amigos do Peito". E participou de gravações ao lado de nomes como MPB4, Gilson Peranzzetta e Antonio Adolfo.
Sem atuar por duas décadas, o Naquele Tempo voltou á ativa recentemente, agora com a seguinte formação: Thiago Balbino (bandolim), Marcelo Issa (violão), Flávio Fontenelle (violão de 7 cordas), Rodrigo Rift (cavaquinho), Hermínio de Almeida (oboé e corne-inglês), Bigô (saxofone) e Luiz Lobo (percussão). 
No repertório, os temas tradicionais dos grupos de choro, como também peças autorais e obras de grandes compositores eruditos como Bach e Villa-Lobos, passando também por Jobim, Edu Lobo, Gilson Peranzzetta e outros.
INSTITUTO UNIMED
O Instituto Unimed-BH é uma instituição sem fins lucrativos, criada em 2003, que tem como missão conduzir o programa de Responsabilidade Social da Unimed-BH, contribuindo para a melhoria consciente e continuada da qualidade de vida das comunidades onde ela atua.
Como o referencial adotado é a promoção de vidas saudáveis, os projetos do Instituto têm na saúde sua área prioritária de intervenções, mas mantêm interface com outros campos, como a educação, cultura, lazer e capacitação profissional. Além de sua atuação social, o Instituto Unimed-BH busca fortalecer a cultura em Minas Gerais, apoiando projetos artísticos, através de seu programa de incentivo, amparado na Lei Rouanet. 
CIRCUITO UNIMED-BH
O Circuito, realizado pelo Instituto Unimed-BH, é um ciclo especial de atrações gratuitas que tem como objetivo envolver a comunidade, incentivando a promoção da saúde e a melhoria da qualidade de vida, através da realização de atividades físicas, de lazer e cultura.
A experiência bem sucedida vem beneficiando desde novembro de 2010, na Praça Floriano Peixoto mais de 3.000 pessoas que participaram de aulas de Tai Chi Chuan, caminhada orientada e atrações culturais. 
Em 2011, o Circuito Unimed-BH retorna com sua programação nos dois espaços adotados pela Cooperativa, Praça da Saúde e Floriano Peixoto, com atividades culturais mensais, até o final do ano.
PROJETO SÉRIE BH INSTRUMENTAL APRESENTA NAQUELE TEMPO
Praça da Saúde - (Av. Silva Lobo, S/N – Grajaú – Em frente à feira de Artesanato)
 Dia  13 de agosto  – sábado  - às 11  horas
Informações- 3222 5271 
Apoio Institucional: Instituto Unimed BH
Entrada Franca

NAQUELE TEMPO NA SÉRIE BH INSTRUMENTAL

A Série BH Instrumental apresenta, juntamente com o MINC,  no sábado dia 13 de agosto, às 11 horas na Praça da Saúde, o grupo mineiro Naquele Tempo.

O projeto, que traz ao público mineiro concertos públicos e gratuitos, com instrumentistas de primeira linha acontece mensalmente alternando o endereço entre as praças Floriano Peixoto e Praça da Saúde.

A Série BH Instrumental é uma realização da Veredas Produções em parceria com o Instituto Unimed-BH, através de doações de pessoas físicas e conta com o apoio da Lei Federal de Incentivo à Cultura, fazendo parte do Circuito UNIMED-BH.

Se a tradição é elemento fundamental para o movimento do choro, o Naquele Tempo já entra em campo com uma grande vantagem. É o mais tradicional conjunto do gênero da cidade. 

Criado na década de 70, em um período que, como hoje, o choro estava em alta, o hepteto montou suas bases na obra de mestres como Abel Ferreira, Jacob do Bandolim, Waldir Azevedo e Pixinguinha. É do autor de "Rosa" que vem o choro que deu nome ao grupo.

Escolhidos para acompanhar mestre Cartola em duas temporadas na cidade, em 1977 e 1978, eles participaram das duas edições do Festival Nacional de Choro, promovido pela Rede Bandeirantes, com duas composições de Flávio Fontenelle, "Conversando com Poti" e "Saudade dos Amigos do Peito". E participou de gravações ao lado de nomes como MPB4, Gilson Peranzzetta e Antonio Adolfo.

Sem atuar por duas décadas, o Naquele Tempo voltou á ativa recentemente, agora com a seguinte formação: Thiago Balbino (bandolim), Marcelo Issa (violão), Flávio Fontenelle (violão de 7 cordas), Rodrigo Rift (cavaquinho), Hermínio de Almeida (oboé e corne-inglês), Bigô (saxofone) e Luiz Lobo (percussão). 

No repertório, os temas tradicionais dos grupos de choro, como também peças autorais e obras de grandes compositores eruditos como Bach e Villa-Lobos, passando também por Jobim, Edu Lobo, Gilson Peranzzetta e outros.

 

INSTITUTO UNIMED

O Instituto Unimed-BH é uma instituição sem fins lucrativos, criada em 2003, que tem como missão conduzir o programa de Responsabilidade Social da Unimed-BH, contribuindo para a melhoria consciente e continuada da qualidade de vida das comunidades onde ela atua.
Como o referencial adotado é a promoção de vidas saudáveis, os projetos do Instituto têm na saúde sua área prioritária de intervenções, mas mantêm interface com outros campos, como a educação, cultura, lazer e capacitação profissional. Além de sua atuação social, o Instituto Unimed-BH busca fortalecer a cultura em Minas Gerais, apoiando projetos artísticos, através de seu programa de incentivo, amparado na Lei Rouanet. 
 

 

CIRCUITO UNIMED-BH

O Circuito, realizado pelo Instituto Unimed-BH, é um ciclo especial de atrações gratuitas que tem como objetivo envolver a comunidade, incentivando a promoção da saúde e a melhoria da qualidade de vida, através da realização de atividades físicas, de lazer e cultura.A experiência bem sucedida vem beneficiando desde novembro de 2010, na Praça Floriano Peixoto mais de 3.000 pessoas que participaram de aulas de Tai Chi Chuan, caminhada orientada e atrações culturais. 
Em 2011, o Circuito Unimed-BH retorna com sua programação nos dois espaços adotados pela Cooperativa, Praça da Saúde e Floriano Peixoto, com atividades culturais mensais, até o final do ano.

 

PROJETO SÉRIE BH INSTRUMENTAL APRESENTA NAQUELE TEMPO

Praça da Saúde - (Av. Silva Lobo, S/N – Grajaú – Em frente à feira de Artesanato) 

Dia  13 de agosto  – sábado  - às 11  horas

Informações- 3222 5271 

Apoio Institucional: Instituto Unimed BHEntrada Franca