Próximos Eventos

1
7
2
4
6
5
3
?1468001446

BH Instrumental

Nos anos 1997/98 a VEREDAS realizou com muito sucesso de público e crítica a “Série Instrumental”, projeto que trouxe pela primeira vez a Belo Horizonte grandes nomes do jazz como John Anderson, Paquito D´Rivera, Gonzalo Rubalcaba, Mike Stern, Joe Zawinul, e também grandes nomes da Música Instrumental Brasileira como Paulo Moura, Zimbo Trio, Guinga, Gilson Peranzzetta, César Camargo Mariano e Romero Lubambo e abriu espaço para grandes músicos mineiros como Juarez Moreira, Toninho Horta, Wagner Tiso, Chiquito Braga e muitos outros mais.
Em 2008, a “Série Instrumental” retornou ao cenário musical da cidade trazendo uma série de 9 espetáculos, sendo 4 no Teatro do Sesiminas – (BANDA MANTIQUEIRA, LEO GANDELMAN, RENATO BORGHETTI e BARBATUQUES), 2 do Grande Teatro do Palácio das Artes (JOBIM JAZZ e WAGNER TISO) e um espetáculo ao ar livre na Praça Marechal Floriano (CHICO AMARAL, JUAREZ MOREIRA E NIVALDO ORNELAS).
A cada edição foi oferecido um workshop gratuito aos músicos e estudantes de música da Grande Belo Horizonte e um ensaio aberto para estudantes da rede pública.
A partir de 2011, a Série Instrumental traz a “ SÉRIE BH INSTRUMENTAL”, com espetáculos na Praça Floriano Peixoto.
O projeto busca assim divulgar a música instrumental trazendo ao palco grandes instrumentistas com o objetivo de formar público para música e popularizar o acesso a espetáculos de qualidade desenvolvendo assim a consciência crítica dos cidadãos. Apoio Institucional: Instituto UNIMED-BH, com os benefícios da Lei Federal de Incentivo à Cultura através de doações de pessoas físicas.

Egberto Gismonti convida Hamilton de Holanda 21/11/2015

141

A Praça Floriano Peixoto, no Santa Efigênia, vai ser palco para um show inédito. O consagrado multi-instrumentista Egberto Gismonti recebe o bandolinista Hamilton de Holanda para um encontro do mais alto nível da música instrumental brasileira, dia 21 de novembro, a partir das 19h. A apresentação faz parte da série BH Instrumental, realizada pela Veredas Produções, em parceria com o Instituto Unimed-BH. Os anfitriões da noite, Rogério Delayon Quarteto e Frederico Heliodoro Trio, são os responsáveis pela abertura do show. O acesso é gratuito.

 

De um lado, Egberto Gismonti, considerado um dos mais importantes artistas da cena musical do país, reconhecido como um dos grandes nomes do jazz mundial. Do outro, Hamilton de Holanda, que se destaca como o principal instrumentista do bandolim moderno, com grande versatilidade, que o permite passear entre o chorinho mais tradicional até as composições contemporâneas.

 

Antes do show principal, o BH Instrumental apresenta duas atrações selecionadas pelo edital do programa. Rogério Delayon Quarteto faz um show instrumental com composições autorais do violonista e guitarrista mineiro, além de releituras de ícones da música nacional. Durante 25 anos, Rogério foi side man de diversos artistas, como Zeca Baleiro, Leila Pinheiro, Zélia Duncan, Verônica Sabino, Marina Machado, Chico Lobo, Zizi Possi e Fábio Júnior.

 

Rogério sobe ao palco acompanhado por Caio Valente (baixo), Arthur Rezende (bateria) e Jelber Oliveira (teclados). O show também conta com arranjos inusitados, como a releitura de Nelson Cavaquinho, interpretada com o dobro, instrumento originalmente utilizado no blues.

 

Em seguida, uma das revelações da nova geração da música instrumental, Frederico Heliodoro, participa da série ao lado de Felipe Continentino (bateria) e Pedro Martins (teclados). No repertório do trio, músicas autorais e releituras com influências brasileiras que conversam com o jazz e a música contemporânea. Entre elas, “Cais”, de Milton Nascimento, e “Purple Haze”, de Jimi Hendrix. O show Frederico Heliodoro Trio é o resultado de cinco anos de trabalho de Heliodoro como compositor e guitarrista.

 

Conheça mais sobre os músicos:

- Egberto Gismonti

Egberto Gismonti nasceu em berço musical e, na adolescência, estudou no conservatório flauta, clarinete, violão e piano. Em 1969, gravou seu primeiro disco. Sua música abrange diversas sonoridades, texturas e dialetos musicais. As composições de Egberto são criadas para instrumentos e formações variados, desde violão solo até orquestra sinfônica. O multi-instrumentista também compõe trilhas para filmes, peças teatrais, televisão e ballet.

 

- Hamilton de Holanda

Hamilton de Holanda começou a tocar aos cinco anos. Foi responsável por reinventar o bandolim mundial ao acrescentar duas cordas extras, dez no total. Sua maneira de tocar, aliados à velocidade de solos e improvisos, inspira a nova geração da música no país e no exterior. Em seu currículo, importantes premiações, como a de melhor instrumentista no Icatu Harford de Artes, em 2001. Hamilton foi indicado três vezes ao Grammy Latino. Seu quinteto também se destaca no cenário musical, com apresentações dentro e fora do Brasil. Já dividiu palco com Maria Bethânia, Ivan Lins, João Bosco, Seu Jorge, John Paul Jones, Stefano Bollani, Richard Galliano, entre outros.

 

 

BH INSTRUMENTAL

 

A série BH Instrumental, realizada pela Veredas Produções, em parceria com o Instituto Unimed-BH, apresenta artistas consagrados no país e músicos de destaque da capital em shows na Praça Floriano Peixoto e na Praça da Saúde. As apresentações acontecem de maio a novembro e tem o objetivo de valorizar, destacar e promover a música instrumental brasileira.

 

INSTITUTO UNIMED-BH

 

O Instituto Unimed-BH é uma instituição sem fins lucrativos, criada em 2003, que tem como missão conduzir o programa de Responsabilidade Social Cooperativista da Unimed-BH, contribuindo para a melhoria consciente e continuada da qualidade de vida das comunidades onde ele atua. Como o referencial adotado é a promoção de vidas saudáveis, os projetos do Instituto têm na saúde sua área prioritária de intervenções, mas mantêm interface com outros campos, como a educação, cultura, lazer e capacitação profissional. Além de sua atuação social, o Instituto Unimed-BH busca fortalecer a cultura em Minas Gerais, apoiando projetos artísticos, por meio de seu programa de incentivo, amparado na Lei Rouanet. 

 

CIRCUITO INSTITUTO UNIMED-BH

 

O Circuito, realizado pelo Instituto Unimed-BH, é um ciclo especial de atrações gratuitas que tem como objetivo envolver a comunidade, incentivando a promoção da saúde e a melhoria da qualidade de vida, por meio da realização de atividades físicas, de lazer e de cultura. A experiência bem sucedida beneficiou, no último ano, na Praça Floriano Peixoto, mais de 27.000 pessoas que participaram de aulas de Tai Chi Chuan, caminhadas orientadas e atrações culturais.

 

PROJETO SÉRIE BH INSTRUMENTAL APRESENTA EGBERTO GISMONTI CONVIDA HAMILTON DE HOLANDA

Praça Floriano Peixoto - Dia 21 de novembro – sábado, às 21h

 

Shows de abertura:

 

- Rogério Delayon Quarteto – 19h

- Frederico Heliodoro Trio – 20h

 

Informações- 3222 5271 / Entrada franca

Patrocínio: Instituto Unimed-BH